sábado, 10 de dezembro de 2011

E o V Festival Cultura de 5ª foi do caralho!!

A energia de quem se apresentou, trabalhou e assistiu convergiram num festival lindo! E o mais importante, chegamos ao final com o sentimento de que essa parceria só rendeu bons frutos.

Agradecemos à aguerrida Bateria Malungos, ao guerreiro Arte das Ruas, ao fabuloso PC e Edna, ao sempre quente Xamã, ao genial Vandaluz, ao cada vez mais respeitado Mucambo, ao graciosíssimo Trio à Rita, à impressionante Performance "Fruto D'alma", à Família de Rua no Duelo de MCs - ficamos DE CARA!, à equipe toda do Caravana Digital, à Mostra de poesias de Lavras, à querida Pato Preto e ao Rendscar - que tem peito pra subir no palco às 5 da madrugada e mandar um rock nervoso!!
Não é fácil viajar muitas horas, abrir mão de um sábado de descanso, carregar instrumento nas costas, ensaiar até de madrugada e não ter retorno financeiro com a apresentação do seu trabalho. Por isso, reverenciamos a nossa parceria. Podemos dizer, todos e com Cs maiúsculos: Construímos uma ótima Cultura de 5ª!

O mesmo a declarar para o DCE no bar, que abriu mão de lucro para tentar manter o preço da bebida mais acessível. E que mostrou a maior consideração pelo Festival.

Seguranças, som, iluminação e mais tarde, senhoras da faxina. Vontade de agradecer a cada um pessoalmente. Trataram-nos com muito respeito, esperamos ter devolvido à altura.

Obrigado à universidade (nós damos muito trabalho, que diga a PROEX e Gustavo, secretário do Jornalismo!) por mais uma vez ter confiado que poderíamos ter feito um Festival de qualidade e comprado a responsabilidade conosco; à Cachaça Tabaroa, patrocinadora do prêmio do Duelo de MCs; ao Restaurante Pantanal, que cedeu almoços sem ao menos aparecer na divulgação.

E O PÚBLICO: valeu pela força, galera! Continuamos nessa saga porque vocês estão junto, sempre respeitando a diversidade artística e celebrando a liberdade. Na Cultura de 5ª ninguém tem cerceado o direito de entrar, de beber o que quiser, de comemorar e essa liberdade só tem construído. O resultado está na compreensão e na educação que vocês mostram. De coração, agradecemos!

Para os membros da 5ª Cultural, trabalhar com vocês é de encher os olhos dágua. Verdadeira admiração pela construção coletiva e pelas relações que conseguimos criar.

Estamos aí para o próximo semestre.
5ª Cultural na área!!!!

Ps: as fotos estão postadas no Facebook (aqui) e em breve também estarão no blog.

domingo, 27 de novembro de 2011

Duelo de MCs na Cultura de 5ª!



O Coletivo Família de Rua (Belo Horizonte) é formado por gente que acredita que a arte de rua está contribuindo, SIM, para a revolução. Focando sempre na importância do trabalho coletivo, o lema é: "Amor, paz, união e diversão". Daí vem as rimas do RAP feito todas as sexta-feiras embaixo do Viaduto Santa Tereza. Essa é a casa dos MCs. É aí que se diverte e produz.


Em 2007 houve em BH uma competidção entre MCs organizado por produtores do Rio de Janeiro. A partir dessa data o Duelo em BH nunca mais deixou de ser feito. De forma muito simples, foi sobrevivendo e construindo a ideia de ocupação de espaço público para fins artísticos. Não tem nenhuma forma de financiamento, contando com aqueles que acreditam na arte de rua.

Recentemente, foi também sinônimo de resistência ao ter seu público cercado e abordado pela Polícia Militar no dia 2 de Setembro de 2011. Vários jovens foram revistados, agredidos verbalmente e levados à delegacia. Dessa ocasião nasceu a campanha: Eu respeito o Duelo de MCs!


Nos últimos meses o Coletivo Família de Rua fez parte do Conexão Vivo Nacional, levando o Duelo de MCs a quatro cidades diferentes - Salvador (BA), Juiz de Fora (MG), Uberlândia (MG) e Belém (PA). E o projeto só tende a se ampliar. No vídeo abaixo, Pedro Valentim fala sobre a relação com o grupo de Soul, que deverá migrar para o Viaduto Santa Tereza.

Duelo de MCs na semana passada na PUC TV, no programa Cenário Cultural.



Na Cultura de 5ª
O Família de Rua traz oito MCs, além da sua equipe de produção e Dança de Rua. O Duelo acontecerá aqui!
"Disputa entre MCs onde o que é avaliado é a técnica, a criatividade, a capacidade da pessoa de improvisar rimas.."
O vencedor é decidido pelos votos de dois juízes e do público. O primeiro voto é de um juíz, o do público é o segundo. Em caso de empate, o Duelo vai para o 3º round.

Dá uma olhada no trabalho da galera em Belém (PA)





BLOG
FACEBOOK
Família de Rua
CD


Família de Rua, valeu pela participação! Essa Cultura de 5ª vai bombar!!

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Vem aí.. Vandaluz!

"Asilos, albergues, manicômios: destinos sem respeito.
Ladrões e sucesso são sinônimos: pessoas com defeitos.
Governo, congresso, processos: todo mundo reclama, de pijama, na cama, não grita, não age, não ama, votar em quem?"

E acha mesmo que as músicas de protesto acabaram-se??
A banda que agora apresentamos é de Patos de Minas e, intitulando-se de conteúdo crítico e livre, chama a atenção de quem também pensa a arte como possibilidade para transformações sociais. 
Bem vindos, Vandaluz!


Formada por Lucas de Paula (guitarra e vocal), Vane Pimentel (voz e poemas), Alan Delay (baixo) e Ciro Nunes (bateria, flauta, samplers e vocal), a banda lançou em 2008 o seu primeiro CD: "Ascende", disponível no blog vandaluz.blogspot.com.
Em suas músicas, os assuntos política e religião estão presentes fortemente, tanto na denúncia do uso da fé como fonte de lucro, como de problemas gerados pela atual prática política do país. "A gente usa a musica para fazer criticas a assuntos que a gente acha pertinente, tais como a religiao, a loucura, como é o caso do video clip lucidez que a gente gravou, sobre a luta anti manicomial".

Vídeo Clip Oficial da música "Lucidez"


E não por acaso, foi vencedora do Prêmio nas Nações Unidas para o Desenvolvimento em parceria com o Coletivo "Fora do Eixo", no caráter valores humanos com a música "Teoria".


Vídeo da música "Teoria"




Atualmente, com 4 anos de estrada, participam do Circuito Fora do Eixo, trabalhando com produções culturais, e estão produzindo seu segundo CD.
Como diz Nilo Fonseca em entrevista para Gilson Martins no Grito do Rock em 2010, a banda nasceu da experiência de musicar poemas de Vane Pimentel, vocalista da Vandaluz. Apesar de acreditarem ter uma identidade musical em comum, frisam que todos os integrantes tem liberdade de contribuir com as suas potencialidades artísticas. Sem preocupar com o estilo que a música vai tomar (rock, reggae, punk), o som sai de acordo com o que o poema pede.
Vane Pimentel diz que as produções de festivais através de coletivos são muito bacanas pois fazem circular as bandas entre diversas cidades e gera um sentimento de fraternidade entre a galera que toca e que produz.
O difícil no final de tudo isso é lembrar nome, cidade, coletivo das cetenas de pessoas que se conhece.
Sobre a vinda São João Del Rei: Se já produziram um CD, fizeram turnês de cunho nacional, por que tocar no Cultura de 5ª?
"Bom pq é isso que a gente faz, levar nossa musica e mensagem aonde o povo esta! Nosso trabalho é esse, e ainda mais que nunca tocamos em SJDR, vai ser otimo!"


Vídeo da música "Proibido"


 
Vídeo da música "Caçador da noite"
 

Vandaluz vai tocar no V Festival Cultura de 5ª por volta das 22:00!

Até!!



terça-feira, 22 de novembro de 2011

Mucambo na Cultura de 5ª!

video

Uma das atrações do V Festival Cultura de 5ª é o Grupo Mucambo, que tem como proposta principal desenvolver um estudo sobre percussão e cultura popular na cidade de São João Del Rei.
Além do maracatu, inclui nas suas apresentações: Congado, Afoxé, Ciranda e Baião. Com atenção para a articulação de ritmos, movimentos corporais e domínio do instrumento.

A Associação Cultural Mucambo tem grande visibilidade em São João Del Rei, ligações com a UFSJ - aqui um vídeo de uma aula-espetáculo no 24º Inverno Cultural - e apresenta-se também em outras cidades, como Lagoa Dourado, Ouro Branco, Lavras. Assim como ministra workshops, como a parceria feita no primeiro semestre deste ano com a UFMG.



Esperamos o maracatu de Mucambo com grande espectativa.
Não poucas são as ótimas referências!

Conheça! Mais de Mucambo em:
http://www.mucambo.net/
Mucambo [Facebook]
e, não poderia deixar de puxar a sardinha, no V Festival Cultura de 5ª!!!

Programação do V Festival Cultura de 5ª


E saiu a programação oficial do V Festival Cultura de 5ª

Curte aí!

Jéssica Maia - com músicos de Divinópolis tocando MPB, Bossa Nova
PC e Edna - Grupo de dança com aulão de forró e samba + apresentação!
Pato Preto - Cover de Mutantes, Jorge Ben Jor + psicodélicas músicas próprias
Malumgos - Bateria (de muita qualidade!) do bairro Bichinho
Nada será como antes - As melhores de Clube da Esquina com a galera do curso de música da UFSJ
Casa das Prima - O Rock'n Roll de Led Zeppelin, Pink floyd + Nacional anos 80
Produto audiovisual de encerramento do Projeto CARAVANA DIGITAL Vivo
Xamã - Apresentação de performances teatrais. Sempre presente e sempre Fantástico!
Vandaluz - banda de Patos de Minas com conteúdo crítico e criativíssimo!
Grupo de Dança "Arte das Ruas" - Com muito prazer, Movimento Força Jovem SJDR
Mucambos - Grupo de maracatu trazendo percussão e cultura popular
Duelo de MC's - Competição entre MC's de BH. O Hip Hop e a arte de rua marcam posição no Festival!
Trio à Rita - Os reverenciados Thales, Leo, Rita.. e o Samba!
Rendscar - Dessa vez, também com músicas próprias + AC/DC + Motörhead + Creedence + Metallica +++ ... vem ver!!


Mostras durante todo o Festival
"Fábrica do Futuro" e "Arte Móvel" - vídeos de aproximadamente 1 minuto produzidos em oficinas de projetos da Vivo


Toda a programação será melhor apresentada na página 5ª Cultural no Facebook, aqui e no Twitter @5cultural.
Fique Ligado!!!



E pra quem chega agora.. não perca!
03/12 às 17:00 no CTAN!
ENTRADA LIVRE!

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

V Cultura de 5ª!

Está chegando, galera! Preparem-se para a quinta edição do festival mais esperado do semestre...





O Projeto 5ª Cultural da UFSJ consiste em programar oficinas, debates, apresentações semanais e um Festival de Arte no final de cada semestre. Este festival, "Cultura de 5ª", está em sua quinta edição e promete!
Privilegiando a diversidade artística, na programação pode se encontrar: dança de salão e de rua, performances teatrais, maracatu, mostra de vídeos e muita música! MPB, Bossa nova, Rock'n roll, Samba, Neo-punk.. além de bandas de qualidade apresentando também músicas próprias.
Temos três atrações intermunicipais:
Vandaluz, de Patos de Minas. A banda já gravou um CD e já foi agraciada com o Prêmio das Nações Unidas para o Desenvolvimento, no critério Valores Humanos. A música ganhadora do prêmio foi "Teoria".

Quem também vem é o Duelo de MC's de BH. Uma competição que, desde 2007 acontece embaixo do Viaduto Santa Tereza em Belo Horizonte. O Hip Hop marca presença no Festival!

A terceira atração é a bateria Malumgos, formada por jovens de Bichinho (Vitoriano Veloso). Lindo trabalho de Thiago, coordenador do grupo.

Além desses, artistas consagrados em São João Del Rei também mostram o talento na "Cultura de 5ª":
PD e Edna, Mucambo, banda Rendscar e Grupo de Dança "Arte das Ruas" do Movimento Força Jovem.

E acabou? Jamais!
Temos ainda o pessoal da universidade, alunos e professores dos cursos de Teatro, Música, Jornalismo, Química e vários outros! Artista aqui é o que não falta!!
A UFSJ apresenta-se.. Jéssica Maia, Pato Preto, Nada Será Como Antes, Casa das Prima, Xamã e Trio à Rita.


Especialmente nessa edição a Cultura de 5ª está fazendo uma parceria com o Projeto Caravana Digital. Palestras, oficinas, laboratório audiovisual e apresentação de vídeos. Com essa programação acontecendo nos 3 campi da UFSJ e o encerramento no V Festival Cultura de 5ª com a performance resultado de um Laboratório de produção audiovisual que irá acontecer durante toda a próxima semana + 2 mostras de vídeos dos Projetos "Fábrica do Futuro" e "Arte Móvel".
Do dia 30/11 ao dia 03/12
Em breve a programação completa da semana!


Enfim, estamos imperdíveis! =]

DIA 03/12 - CTAN - ÀS 17H
ENTRADA GRATUITA!




Veja nossa página no Facebook 5ª Cultural e acompanhe-nos pelo twitter também: @5cultural

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

E a segunda oficina oferecida pela 5ª Cultural é:

Libras (Língua brasileira de sinais)
Ministrada por Natasha Souza, graduanda em Comunicação Social - Jornalismo


Vagas: 20

Datas: 18, 20, 25 e 27 de outubro; 1, 3, 8 e 10 de novembro

Horário: 15h30 às 18h


Sala: 2.23 no prédio do REUNI, no CTan

Carga horária: 20h

Informações adicionais: O curso introdutório tem como objetivo aproximar o aluno da língua brasileira de sinais, falar um pouco sobre sua história, os sinais propriamente ditos, e ensinar a comunicação básica através dos gestos.

Inscrições: a partir de sexta-feira, 30 de setembro, através do e-mail ufsj_5cultural@hotmail.com

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

#voltafernanda


Na última 5ª Cultural do intervalo rolou o som da dupla Fernanda Bessa (vocalista do extinto - e saudoso - Fundamentalistas do Samba) e  Renan Oliveira, o Macaco (vocalista da banda Ventura, cover de Los Hermanos). Os dois prepararam uma apresentação super especial... Especialíssima, diga-se de passagem! 

Primeiro, devido a escolha do repertório que foi arrasador: os músicos trouxeram o melhor da MPB, nomes como Chico Buarque, Caetano Veloso, Tom Jobim e Los Hermanos. Segundo porque a dupla infelizmente já não se apresenta mais na noite sanjoanense. Privilegiados que somos, pudemos curtir um pouco desse show! E você que marcou bobeira e não foi... Bem, vai poder ver as fotos, e em breve os videos - somos pessoas boas e pretendemos compartilhar essas riquezas com vocês! 








Super fino, né?!

Antes de nos despedirmos, a 5ª Cultural faz questão de fechar esta publicação declarando que está oficialmente aberta a campanha #voltafernanda! Vamos pedir, chorar e até implorar, se preciso for, para Fernanda voltar a cantar com o Macaco na noite (e dia também, por que não?) sanjoanense! Deixamos aqui nosso apelo! Voooolllllta Fernandaaaaaa!!!!!!


Por enquanto é só. A noite tem mais 5ª Cultural no CTan, às 20:30, em frente a cantina. 

Abraço e até lá!

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

V Semana do Animal chega a São João del-Rei

Adoção de animais, debates e ações educativas marcam programação do evento

Chegando à sua quinta edição, a Semana do Animal em 2011 acontecerá na cidade histórica de São João del-Rei-MG, entre os dias 28/09 e 04/10, com o tema "NOVOS OLHARES animais, ambientais e sociais". A programação inclui palestras, vídeos, debates, atividades em escolas públicas, stand educativo, feira de adoção, oficina de culinária vegetariana e bênção aos animais. A 5ª Semana do Animal é realizada pela Sociedade São Francisco de Assis de Proteção aos Animais e pela Universidade Federal de São João del-Rei, através de sua rede ambiental UFSJ Bioagradável e do projeto Amigos de Quatro Patas. 
A programação abre espaço para práticas e discussões sobre guarda responsável, animais soltos nas ruas, pesquisa com animais, alimentação vegetariana, entretenimento com animais e fauna silvestre. Só nas escolas municipais, está previsto um trabalho educativo com 900 crianças - nas quatro edições anteriores, foram cerca de 700 estudantes de escolas públicas, além de centenas de estudantes universitários e profissionais.
O evento tem como patrocinador a Alcon Pet, e como apoio Instituto Apoiar, Prefeitura Municipal de São João del-Rei, Espaço Calêndula, Educacão, Total Alimentos, Instituto Nina Rosa, Contrato Natural, Vista-se, WSPA e Revista dos Vegetarianos.


Confira a programação completa:

28/9, 17h - ABERTURA: palestras e debates
"Ética e direito dos animais na pesquisa científica e na produção agropecuária"
com Dr. Daniel Braga Lourenço (UFRRJ), Prof. Gilcélio Amaral da Silveira (UFSJ) e Prof. Rogério Martins Maurício (UFSJ)
Certificado e sorteio de brindes para os participantes
Local: Anfiteatro do Campus Dom Bosco (UFSJ)

De 28/9 a 4/10 - Stand educativo
"Novos olhares animais, ambientais e sociais"
Local: Campus Santo Antônio, Campus Dom Bosco e CTAN

De 28/9 a 4/10 - Ações nas escolas municipais
Vídeo "Fulaninho, o cão que ninguém queria", produzido pelo Instituto Nina Rosa
Cartilha educativa Semana do Animal

29/9, 17h - MOSTRA DE VÍDEO
"Animais: seres sencientes", produzido pela WSPA
Debate "Implicações ambientais e sociais do uso de animais para alimentação, entretenimento e companhia"
Sorteio de brindes para os participantes
Local: Anfiteatro do Campus Dom Bosco

1/10, de 9h às 13h - FEIRA DE ADOÇÃO
Animais procuram por um lar. Adote!
Sorteio de brindes
Local: Av. Tancredo Neves, próximo ao Coreto

2/10, de 14h às 18h - OFICINA DE CULINÁRIA VEGETARIANA
Vivenciando práticas vegetarianas no Espaço Calêndula
Culinária, degustação, vídeos e conversa sobre vegetarianismo
Inscrições: R$ 16
Contatos: (32) 3371-4993 / 9112-9120
Local: Espaço Calêndula, Av. Marechal Deodoro 242, Centro

4/10, 16h - BÊNÇÃO AOS ANIMAIS
Tradicionais bênção aos animais e procissão
Local: Igreja São Francisco de Assis

Mais informações:
SITE
www.vista-se.com.br/semanadoanimal

FACEBOOK
www.facebook.com/semanadoanimal

E-MAIL
semanadoanimal@gmail.com

COORDENAÇÃO GERAL
(32) 9126-6970 – Analu Sousa

ASSESSORIA DE IMPRENSA
(32) 8806-7049 – Rogério Alvarenga

SOCIEDADE PROTETORA DOS ANIMAIS
www.facebook.com/animais.sjdr
animais.sjdr@gmail.com
(32) 9923-0013 – Mara Souto

PROJETO AMIGOS DE QUATRO PATAS
(32) 3379-2541 – Profa. Leila de Gênova Gaya

UFSJ BIOAGRADÁVEL
www.ufsj.edu.br/bioagradavel
bioagradavel@ufsj.edu.br

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

MPB-Rock com Samuel, Caio e Rodrigo

Na última 5ª Cultural rolou o som “MPB-Rock” da banda (ainda sem nome) formada pelos alunos do 2º período de jornalismo Samuel Raybay, Caio Moretti e Rodrigo Bertolino. Os rapazes tocaram de Jimi Hendrix a Nação Zumbi, além de músicas próprias como “Hey Salomão” e “A lua corre do meu lado”. A apresentação do grupo empolgou todos que estiveram por lá assistindo, principalmente as músicas de autoria própria.

Rodrigo nos contou que a banda ensaiou especialmente para a apresentação do dia 15, e que Samuel, idealizador do projeto, escolheu o repertório e o convidou juntamente com o Caio para participarem.
Para quem não sabe, Samuel e Rodrigo já são de casa e aparecem com freqüência pela 5ª. Na última edição do festival Cultural de 5ª, ambos marcaram presença: Samuel com poesias no palco livre e Rodrigo com a banda Pré-Pagos.





segunda-feira, 19 de setembro de 2011

As oficinas da 5ª Cultural estão de volta!

As oficinas da 5ª estão volta! Neste período teremos 2 cursos, e o primeiro é:


PRINCÍPIOS BÁSICOS DE LEITURA E ESCRITA EM GÊNEROS ACADÊMICOS 
Com o professor Paulo Henrique Caetano


Vagas: 20

Datas: 28 de setembro, 5 de outubro, 19 de outubro, 26 de outubro e 9 de novembro

Horário: 15h às 18h

Carga horária: 15 horas

Informações adicionais: prioridade para alunos da comunicação/prioridade para veteranos

Inscrições: a partir de terça-feira, 20 de setembro, através do e-mail ufsj_5cultural@hotmail.com



sábado, 17 de setembro de 2011

Fotos da IV edição do festival Cultura de 5ª

Finalmente, fotos da última Cultura de 5ª! Demorou tanto que vocês já deviam estar imaginando que nós fossemos postar fotos do último festival junto com as do próximo, né?!

Como são muitas imagens, não iremos colocar aqui todas de uma vez. Seria emoção demais para um dia! Falando sério, não sei se esse blogger aguenta, então dividimos em 3 partes a postagem com as fotos do festival: a 1, a 2 e as perdidas que só iremos achar quando nossos filhos estiverem fazendo 5ª Cultural. Brincadeira. De novo. 

Sem mais blá blá blá, segue as fotos:




quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Video: “A Criminalização do artista: como se fabricam marginais em nosso país”

Olá galera! 

Todos se lembram do que rolou na última 5ª Cultural, certo? Se você não estava lá ou tem memória de peixe, na semana passada rolou a exibição do documentário A Criminalização do artista: como se fabricam marginais em nosso país, que relata a experiência real vivida por artesãos na Praça Sete, centro de Belo Horizonte. O vídeo mostra o posicionamento da imprensa local em relação aos acontecimentos e a ação de fiscais da prefeitura e da polícia para coibir a comercialização de produtos feitos por artesãos.

Enquanto um rapaz conta como agem a polícia e os fiscais quando chegam ao local onde os artesãos se encontram, a própria polícia aparece. O jovem corre para não ter seu material apreendido, e o que acontece a seguir é surpreendente: a polícia não só apreende os produtos como também objetos pessoais dos artesãos que estão por ali trabalhando (De acordo com a lei, a polícia poderia levar apenas os produtos que estavam sendo comercializados).

Em matéria exibida em um dos jornais de alta audiência da TV Record Minas, além do apresentador, encontra-se também a (ex?) repórter do jornal O Tempo, Magali Simone. Ela conta para a audiência como foi fazer a reportagem intitulada “Com maconha liberada, Praça Sete vira Amsterdã mineira”.  A jornalista fala sobre a situação que se encontra o centro da cidade e afirma que este está povoado por hippies que usam drogas livremente a qualquer hora do dia.  O problema, a partir daí, é que nem a polícia tem dados concretos de quem e quantos são os artesãos que estão apenas trabalhando, e quais são os usuários de drogas. Ainda assim, antes mesmo de uma investigação apropriada, ambos geralmente são detidos ou tem seus bens apreendidos. Qualquer um que se encontre vagando pela praça e aparente "ser hippie”, para a repórter (e para as autoridades), já estão automaticamente associados à vagabundagem e drogas.

No decorrer do documentário é perceptível que a postura, tanto das autoridades quanto da imprensa em relação aquelas pessoas, é de descaso. Elas não são ouvidas, e quando reagem – com razão – a injustiça a qual estão sendo submetidas, logo são marginalizadas, e claro, “contidas”.

No blog do Rafael Lage, um dos autores do vídeo, li que a idéia de fazer o documentário surgiu em novembro de 2009 após o fotógrafo presenciar uma ação truculenta da polícia enquanto conversava com um artesão.  Lá, ele ainda diz que o objetivo deste trabalho não é comercial, e sim “obter o reconhecimento dos artesãos nômades (hippies, malucos de estrada) como uma cultura diferenciada, que possui modos de expressão e códigos de valores particulares, e que devem ser respeitados”. Ele conseguiu apoio jurídico do Centro Nacional de Defesa dos Direitos Humanos (CNDDH), e estão sendo tomadas providências sobre o drama vivido pelos artesãos. Embora na prática a situação ainda continue na mesma (a polícia chega, os artesãos que conseguem, correm), ele acredita na possibilidade de avançar positivamente nessa causa. O assunto já está sendo debatido na câmara e, segundo Rafael, uma lei que visa regulamentar a ação dos artesãos já está sendo elaborada.

Muito interessante, né? Se você deu mole e ainda não viu, vale a pena assistir. 
(Aqui o link do vídeo na íntegra: http://www.youtube.com/watch?v=sYX9G_n4U7M


Por enquanto é só, pessoal.
Ah, lembrando que hoje tem 5ª Cultural, hein... No CTan, às 20:30 em frente a cantina! Nem precisamos dizer que estão todos intimad(...), ops, convidados. 
=)

Abraço e até!

terça-feira, 6 de setembro de 2011

E cá estamos!

A 5ª Cultural finalmente retoma suas atividades! Depois de algum tempo sem dar notícias (fazemos doce pra saber se vocês sentem saudade ^^), estamos cheios de novidades: mais debates, oficinas, e claro, a quinta Cultura de 5ª que promete ser especialíssima. Estaremos sempre por aqui contanto cada passo pra vocês, mas por enquanto, festival só no final do semestre galera!

Falando nisso, em breve postaremos as tão esperadas fotos da IV Cultura de 5ª. Pedimos desculpas pelo mega atraso. Falha nossa com os artistas e a galera que esteve prestigiando o festival. Desculpem! E, mesmo que tardiamente, gostaríamos de deixar nosso agradecimento a todos que participaram (têm participado) das atividades da 5ª Cultural. Valeu galera!

Agora sem mais delongas, vamos falar sobre a primeira 5ª semanal do semestre (ou a primeira tentativa de 5ª semanal do semestre que deu certo) que contou com a participação da banda Madrugada em Marte, formada pela Isabela Mesquita, David e Marcelo. Felizmente pra nós, após alguns contratempos a galera finalmente conseguiu se apresentar na 5ª, trazendo para o CTan o bom e velho rock n’ roll. Led Zeppelin, Janis Joplin e a banda nacional Secos e Molhados estavam no repertório da banda que, com versões acústicas na voz sensacional da Isabella Mesquita, esquentou a noite gelada do campus.




quarta-feira, 29 de junho de 2011

IV Festival Cultura de 5ª


SAIU A PROGRAMAÇÃO!

Abertura Maria Lúcia e amigos – 16h a 16h30

Trio Chimarrão Mineiro - 16h45 a 17:40
Chora Genésio – 18h às 19h30
Grupo de poesia LESMA – 19h40 às 20h10
Rios ao Luar – 20h30 às 21:45
Palco Livre de poesia – 22h às 22h30
Xamã – 22h30 às 23h
O Lírio – 23 às 00h00
Os Fernanez – 00h15 às 01h20
Pré-Pagos – 01:30 às 02:45

TRANSPORTE:
Vans!!

Ida: de 17:30 às 21hr passando pela Leite de Castro travestidas do cartaz do Festival (esperem próximos a pontos de ônibus e deem sinal!)
Volta: de 2 às 3hr da madruga

Bora lá galera!

domingo, 19 de junho de 2011

5ª Cultural discute a democratização da cultura

 Thayná Faria e Rômer Castanheira

 “Democratização Cultural? A pluralidade artística e cultural como caminhos de emancipação social” foi o tema que abriu hoje o circuito de debates do programa 5ª Cultural da Universidade Federal de São João del-Rei.

Gedley Braga, professor do curso de Arquitetura , disse que a democracia acontece quando todo mundo tem os mesmos direitos, inclusive em relação ao acesso à arte. “A democracia sempre esta por vir, temos que ter a idéia de que seremos muito mais democráticos quando acreditarmos que ela ainda está por ser atingida”, diz. Segundo a estudante de jornalismo e integrante da 5ª Cultural, Wanessa Fagundes, o objetivo é discutir assuntos que dizem respeito a toda comunidade. As discussões que acontecem no campus Dom Bosco e CTan são abertas ao público.

O programa de extensão, idealizado por alunos do curso de jornalismo e administração, começou no segundo semestre de 2009. O coordenador do projeto é o professor do DELAC Paulo Henrique Caetano.


“Por uma vida melhor”

O segundo debate acontecerá no dia 20 de junho e o tema será o lançamento do livro “Por uma vida melhor”, da professora Heloísa Ramos, distribuído pelo MEC através do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD). A publicação está no centro de uma polêmica sobre a defesa da idéia de que a linguagem oral não precisa necessariamente respeitar os padrões da norma culta da língua, dependendo de que forma e onde é usada.



*Matéria originalmente publicada no blog da disciplina de jornalismo online do curso de Comunicação Social - Jornalismo da UFSJ 

sábado, 11 de junho de 2011

Radiação: novidades e repercussão das oficinas

E aí povo!

"Democratização Cultural?", o primeiro debate da 5ª
As oficinas acabaram e agora no final do semestre é bom se ligar porque a 5ª tá radiante de programação. Saca só, semana que vem e próxima irão acontecer 2 debates - os cartazes ainda estão saindo - um sobre Emancipação Cultural (abertura do nosso pitchuquinho o CIARTIC), e o outro sobre o livro do MEC "Por uma vida melhor", escrito pela professora Heloísa Ramos, e que está gerando a maior polêmica.

Quanto às quintas semanais, na próxima, 16 de junho, quem toca são os caras... Arquitetos do Universo! Se eu fosse você comparecia, porque eles vão quebrar tudo no intervalo com suas cirandas interestrelares. Qualquer alteração vamos deixando recados nas redes de pesca estendidas por aí.




segunda-feira, 30 de maio de 2011

Luiz Nascimento e Gabriel Monteiro na 5ª

No último dia 26 rolou na 5ª Cultural o som do Luiz Nascimento e Gabriel Monteiro que trouxeram MPB da melhor qualidade ao CTan, de Sérgio Sampaio à composições próprias! A dupla que se apresentou recentemente pela segunda vez no espaço cultural da OPL já passou por aqui antes, com o Martelo de Pano na I Cultura de 5ª, e somente Gabriel com o grupo Banana em Transe, na terceira edição do festival. Em todas as participações os rapazes arrasaram!

Sem mais, seguem as fotos:




Cartaz - Oficinas 5ª Cultural 1/2011

terça-feira, 24 de maio de 2011

5ª com o curta "A História das Coisas"

Na última 5ª semanal saímos um pouco da música e fomos parar nas artes visuais, com a apresentação do curta "A História das Coisas".

O curta é um documentário sobre a forma de produção utilizada atualmente no mundo, e como esta tem um caráter predatório, tanto em relação ao meio ambiente, como às pessoas.

Para quem nunca ouviu falar de obsolência programada, ou nunca pensou em como um produto, vindo do outro lado do mundo, chega em suas mãos por tão baixo custo... aproveitem!
O curta tem informações muito interessantes, sem contar a produção de primeira qualidade. Compensa dar uma olhadinha.



O site do documentário fornece o vídeo para visualização online:


O projeto tem ainda outros vídeos:

The story of Citizens United v. FEC
The story of Cap & Trade
The story of Subsidies
Eletronics
Cosmetics
Bottled water


Um abraço e até!

segunda-feira, 23 de maio de 2011

OFICINAS DA 5ª

"Todo dia, toda hora tem: música, teatro e história na escola."
Oficina para atuais e futuros educadores e trabalhará formas variadas de se contar histórias.

Data: 08 de junho (quarta-feira)
Horário: 17 às 19 hr
Local: sala 2.03 no CTAN
Ministrante: Carlos Roberto de Souza, aluno do curso de Teatro
Obs: É necessário levar algum instrumento musical, mas não precisa saber tocá-lo.


"Música popular e moderna poesia brasileira: tradições e contradições"
Data: 9 e 10 de junho (quinta e sexta-feira)
Horário: 14 às 17hr
Local: sala 2.60 (SETEC) no Campus Dom Bosco
Vagas: 20 vagas
Oficineiro: Igor Alves (estudante do curso de Letras)


As inscrições das oficinas da 5ª agora são feitas por e-mail:
ufsj_5cultural@hotmail.com
Enviar seu nome completo e a opção de oficina que deseja fazer.
As vagas serão preenchidas de acordo com a ordem de chegada dos e-mails.
Depois de se inscrever, você receberá uma mensagem de confirmação.

INSCRIÇÕES GRATUITAS

Aproveitem!

sábado, 21 de maio de 2011

Os Fernandez e o teatro musicado

O grupo "Os Fernandez" formou-se com uma proposta diferente da usual: não é nem teatro, nem música, mas os dois juntos! O que, convenhamos, é uma boa duma mistura!

Formado por Thiago, Tylfley e Zé Menino (do Teatro) teve também participação especial de Natali, que além de animar a plateia, subiu ao palco e fez bonito na expressão!

E.. adivinha onde eles estarão? 
Claro, na Cultura de 5ª! Aguardem!!




quarta-feira, 18 de maio de 2011

O Lírio na 5ª Cultural

Maria Luiza (violão), Sílvia (guitarra e percussão), Virgínia (gaita, flauta e vocal), Thayane (percussão) e Carla (flauta) compõem a banda O Lírio, que há muito tempo prometia uma visita ao CTAN. Elas tocaram na última 5ª semanal, dia 12 de Maio, e mostraram que a espera valeu a pena!

Com um som sem título e precedente, um apelido carinhoso ao que elas produzem poderia ser 'MPB experimental', mas isso se fosse tão fácil classificá-las!

Em uma das músicas elas usaram até o grande 'instrumento musicalizador', tocado por Sílvia. Em depoimento exclusivo à 5ª, Maria Luiza confirmou a hipótese de que a banda, ao escutar o som de tal instrumento, foi convencida a mudar o arranjo todo de uma música já pronta. Pelo que parece, é assim que elas criam.. a abertura à experimentação é prioridade!

E a pergunta não cala... Cultura de 5ª or not?